top of page

Construção de quase 700 moradias é autorizada em Itabuna

Conforme o ministro Waldez Goés, a prioridade é garantir atendimento imediato aos municípios vitimados por eventos de desastres ambientais.

Nesta segunda-feira (24), o governador Jerônimo Rodrigues, acompanhou o ministro da Integração e do Desenvolvimento Regional, Waldez Goés, no município de Itabuna, na cerimônia de autorização para a construção de 696 moradias para famílias que perderam suas casas devido às fortes chuvas que atingiram a região entre o final de 2021 e o início de 2022. A solenidade, que contou com a presença do ministro-chefe da Casa Civil, Rui Costa, foi realizada no Teatro Municipal Candinha Dória.

O governador destacou a importância dos investimentos para a população de Itabuna e região. "O significado dessa agenda aqui é hoje é a continuidade de um compromisso assumido por Rui Costa, ainda como governador da Bahia. E agora, com o presidente Lula, nós tivemos a garantia de poder vir aqui dar a ordem de serviço para a construção de 696 residências. São dois conjuntos habitacionais, espaço de convivência e drenagem", declarou.

Conforme o ministro Waldez Goés, a prioridade é garantir atendimento imediato aos municípios vitimados por eventos de desastres ambientais.


A política do Governo Federal é de estar sempre presente, desde o primeiro momento, em todo país, para garantir ajuda humanitária, restabelecimento e reconstrução de áreas porventura atingidas por eventos naturais. Além das ordens de serviço de hoje, estamos assistindo também os municípios atingidos por chuvas neste momento, a exemplo de Ilhéus e Santa Cruz Cabrália”. Waldez também destacou que, desde sábado (22), equipes regionais da Defesa Civil estão prestando assistência e discutindo planos trabalhos.

Reconstrução

De acordo com ministro-chefe da Casa Civil, Rui Costa, a reconstrução dos imóveis e a segurança da população vulnerável são prioridades. "O Governo Federal está empenhado em agilizar as reconstruções nas áreas de desastres naturais. Aqui, o Governo do Estado já tinha iniciado obras em dezenas de municípios e hoje a gente veio dar início imediato na construção dessas quase 700 casas". O ministro ainda sinalizou que o Ministério da Integração vai encabeçar um projeto para a contenção de encostas em conjunto com as prefeituras municipais.

As ações de reassentamentos e reconstruções anunciadas em Itabuna visam garantir a segurança e o bem-estar das comunidades afetadas pelas inundações e desabamentos. As comunidades que residiam em áreas de risco serão reassentadas em empreendimentos habitacionais situados em áreas seguras, enquanto a população vulnerável terá suas casas reconstruídas em novos empreendimentos. Além disso, a construção de dois parques lineares às margens do rio Cachoeira não apenas elimina as áreas de risco mapeadas, mas também oferece opções de lazer para a população local.

Pavimentação, segurança e água para Itabuna

Durante a solenidade, o governador Jerônimo autorizou licitação para a pavimentação de cinco quilômetros no trecho da via que dá acesso à Itabuna, no entroncamento com a BA-649. O valor estimado da obra é de mais de R$ 20 milhões. Também foi autorizada a construção de uma nova Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam), que vai contar com um investimento de mais de R$ 2 milhões.

A população de Itabuna será contemplada ainda com a ampliação do Sistema Simplificado de Abastecimento de Água. Conforme o anúncio do governador, o projeto terá um investimento de R$ 10 milhões. A obra é uma atribuição da Companhia de Engenharia Hídrica e de Saneamento da Bahia (Cerb), vinculada à Secretaria de Infraestrutura Hídrica (Sihs).

コメント


bottom of page